Guia de Combate à Caspa

Pra combater a caspa seborréica (oleosa) ou a descamação (caspa seca) é importante fazer um tratamento sistêmico, atingindo várias frentes ao mesmo tempo.

A primeira orientação é modificar alguns hábitos alimentares, porque o que você consome vai pra corrente sangüínea e, por consequência alimenta as papilas do folículo piloso.

Beber bastante água diariamente é essencial. Deixe sempre uma garrafinha com água perto de você e vá bebericando toda vez que lembrar. O ideal são 2 litros de água por dia, mas comece aos poucos. Café, chocolate ao leite (meio amargo e amargo em pequenos pedaços é permitido),frituras, queijo amarelo precisam ser evitados.

Sementes e frutas oleaginosas como amêndoa, nozes e castanhas estão liberados em pequenas quantidades e fazem muito bem, principalmente para quem sofre de descamação, que é a falta de oleosidade suficiente no couro cabeludo. É importante incluir na dieta diária frutas como laranja, limão, maçã e abacaxi; peixes como atum, sardinha e salmão, além de alho que são alimentos anti inflamatórios e combatem a inflamação nos folículos.

Além disso, é recomendável o consumo de sementes de chia, girassol e o germe de trigo que são ricos em zinco e selênio e fortalecem o sistema imunológico. Ajustar a alimentação é um passo importante para combater a caspa.

O aparecimento da caspa está diretamente ligado ao alto nível de stress. Na verdade, muitas doenças de pele surgem quando estamos muito estressados, simplesmente porque o alto e contínuo stress deixa o sistema imunológico fraco, abrindo portas para várias bactérias e fungos, sendo um deles o fungo da caspa.

No caso do stress, ele ainda provoca o ciclo da coceira: quanto mais se coça, mais se tem vontade de coçar e no local machucado surge mais caspa. Se esse é o seu caso, o mais indicado para romper o ciclo são as técnicas de relaxamento pra aliviar o stress. Comece a praticar e em pouco tempo vai perceber uma melhora significativa da caspa.

O fungo da caspa se prolifera com rapidez, por isso é tão importante não criar condições favoráveis para que ele apareça. Algumas medidas importantes são: ter uma toalha separada só para os cabelos e trocá-la semanalmente, assim como a roupa de cama; não compartilhar acessórios de cabelo e higienizar escovas e pentes com álcool 70; evitar uso prolongado de boné, chapéu e capacete e nunca emprestá-los ou pegar emprestado. E quanto aos bonés, lavá-los diariamente. Com esses cuidados e mantendo o couro cabeludo higienizado, não há chance do fungo se proliferar.

Assista agora o vídeo do meu canal que traz 3 dicas simples e eficientes para você controlar a caspa:

Continue acompanhando nosso Guia de Combate à Caspa no meu instagram: @revalentina

Deixar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *